Pincéis – Você sabe como usar cada pincel?

pincel-capa

Resolveu se arriscar na pintura de algum cômodo e/ou parede, mas não sabe qual é o pincel correto a ser usado? Com tantas opções disponíveis no mercado, essa tarefa pode ficar difícil para quem não é profissional. Mas não se preocupe, preparamos um guia que vai te auxiliar a escolher o material mais adequado para cada caso.

Para começar, observe o tipo de superfície que será pintada, em seguida é hora de escolher o instrumento mais adequado:

     Trincha (pincel): Muito conhecida como pincel, a trincha possui um formato chato e é usada em obras.

  • Cerdas pretas: São ideais para a pintura de detalhes e acabamentos e para a cobertura de superfícies. Indicadas para esmaltes sintéticos, óleos, vernizes e zarcão. Podem ser usadas em alvenaria, madeira e metal, dentre outras superfícies.cerda-preta
  • Cerdas gris: São próprias para a aplicação de tintas látex, PVA, e acrílica à base de água. Podem ser usadas também com tintas à base de solventes em qualquer tipo de superfície. São indicadas para acabamentos, detalhes ou cobertura de superfícies.cerda-gris
  • Cerdas brancas: Ideais para a aplicação de verniz, resina sintética e stain. Esse tipo de cerda oferece um bom desempenho em qualquer tipo de superfície, e é indicado para a pintura de detalhes, recortes, retoques, cantos e vincos. cerda-branca 

    Broxa: As broxas nada mais são do que pincéis grandes, e são indicadas para tintas à base de cal ou cimentícia, que não podem ser aplicadas com a trincha ou rolo devido à sua viscosidade.

    broxa-2broxa-1

Rolos: Rolos com os pelos altos retêm mais tinta, garantindo um rendimento maior do produto utilizado. Já os rolos com pelos baixos garantem os melhores acabamentos.

  • Lã de pelo curto: Indicada para a aplicação de tintas à base de resina epóxi e látex. Antes de usar o rolo com a tinta látex, é recomendado umedecê-lo rapidamente em água e retirar o excesso, deslizando-o na parede. rolo-de-la
  • Lã de carneiro ou sintética: é indicada para a aplicação de tintas à base de água, como látex, PVA e acrílica. rolo-de-la-curta
  • Espuma de poliéster: É ideal para a aplicação de esmaltes, verniz, tinta a óleo e complementos, como fundo para madeira, metal, entre outros. Não use com thinner, pois ele pode causar a deformação da espuma. rolo-de-espuma-rigida
  • Espuma rígida: É feita de poliéster e indicada para a aplicação de texturas. rolo-de-espuma

Conseguiu escolher a melhor opção para a realização do seu trabalho? Mãos à obra agora! E lembre-se, para prolongar a vida de seus pincéis, lave-os com água e sabão e seque-os bem. Use um solvente para limpar o resto de tinta armazenado no pincel e nunca deixe que a tinta seque em suas cerdas.

Confira aqui todo o nosso estoque de pincéis, rolos e trinchas.

 

 

 

 

Rose Gold – O metálico do momento

rose-gold

Após fazer sucesso na Europa, o rose gold ganhou o coração dos brasileiros e virou tendência na moda e no design de interiores.  A cor tem fundo acobreado, resultado da mistura entre o rosa e o dourado, e combina com diversos ambientes, sendo incrivelmente versátil.

A cor rosa nunca sai de moda e está sempre se reinventando, e foi assim que surgiu o rose gold. Ele chegou como um complemento, pois na maioria das vezes é usado em objetos e em pequenos detalhes que fazem toda a diferença.

Para incorporar o rose gold no ambiente, o segredo é combiná-lo com tons neutros, como o cinza, o branco e o preto. É interessante também usá-lo com tons de uma mesma paleta de cor. O importante érose-gold-1 tomar cuidado ao usá-lo, pois, por chamar a atenção, ele pode deixar o ambiente sobrecarregado se usado em excesso. Os estilos que mais combinam com a cor são o escandinavo e o minimalista, mas quando usada com moderação, ela pode se encaixar em qualquer ambiente.

A cor substituiu o prata e o dourado na hora de dar sofisticação e elegância ao ambiente, e é ideal para quem deseja uma decoração mais clean.

Deseja acrescentar a cor no ambiente? Que tal usar a tinta em spray e dar cara nova àqueles objetos decorativos mais antigos que já perderam a graça?

Veja aqui a maneira correta de usar tinta em spray.

 

Palets – Você sabe como usá-lo?

palets-3

A decoração vem utilizando alguns itens inusitados, como o palet. Material que divide opiniões, ele é prático, versátil e, com uma boa remodelagem, se adapta facilmente a qualquer tipo de ambiente.

O item tem como função inicial a estocagem e armazenamento de produtos, mas ganhou espaço na decoração brasileira. Usando a criatividade é possível transformá-lo facilmente em um móvel.

O palet é um grande aliado da sustentabilidade e do movimento “Faça você mesmo”. Pensando nisso, vamos ensinar o passo a passo para usá-lo corretamente. Siga-o e solte a sua imaginação.

1)      Limpe bem o palet;

2)      Lixe o palet até obter uma superfície lisa;

3)      Trate-o usando produtos específicos para madeira. Se você quiser usá-lo em sua cor natural, esse é o ultimo passo, mas se quiser pintá-lo, siga as próximas dicas.

4)      Pinte-o primeiramente com uma camada de tinta branca, para evitar que a cor desejada se misture com a cor da madeira;

5)      Aplique camadas de tinta até chegar à cor desejada;

6)      Após seco, passe um verniz para madeira, dando o acabamento final.

Veja agora algumas ideias para te inspirar:

palets-2

palets-4

palets-5

palets-6

palets-7

palets-8

palets

 

 

Estilo escandinavo. Você está por dentro da nova tendência em decoração?

decoracao-escandinava

O estilo escandinavo chegou com tudo. Para quem ainda não está por dentro do que estamos falando, esta nova tendência faz parte da onda de sustentabilidade, e traz uma atmosfera de simplicidade, conforto e alegria para os ambientes. O escandinavo consiste em uma decoração sóbria e minimalista, que prega o “viver mais com menos”. O estilo valoriza a combinação entre o aconchego, o equilíbrio, a simplicidade e formas contemporâneas. O foco é também na natureza e no uso da luz natural, o que traz um charme a mais para a decoração.

shutterstock_508330573Para quem deseja adotar a decoração escandinava, o primeiro passo é observar atentamente todos os itens da casa e praticar o desapego. Cada elemento decorativo é cuidadosamente escolhido, pois a tendência valoriza muito os espaços vazios. Deixe somente as peças de que você realmente gosta e o que for necessário.

Nas paredes, o ideal é usar a cor branca, pois ela reflete a luz, ajudando assim na iluminação do ambiente. Cores vibrantes são bem-vindas quando usadas em pontos estratégicos, como móveis e acessórios de decoração.

Em estofados e tecidos, opte por cores neutras e naturais. Linho, lã e algodão são muito utilizados e não fogem do padrão de cores (branco, bege, cinza, marrom e preto). Em meio ao seu conceito de simplicidade, o escandinavo costuma fazer referências a paisagens, portanto plantas e quadros mostrando a natureza também fazem parte do estilo.

shutterstock_469072658

Como já dito, é extremamente importante para a decoração escandinava a entrada da luz natural, e muitas vezes as portas e janelas são tratadas como pontos focais do ambiente. Sempre que possível e apropriado, mantenha as portas e janelas sem adornos e com tratamentos simples. Vale usar luminárias no ambiente, porém elas precisam ser simples, minimalistas e modernas, com formas bem definidas.

shutterstock_553833259

No geral, um ambiente escandinavo é muito convidativo e aconchegante, pois se baseia na cultura de povos que têm o costume de receber os amigos em casa ao invés de sair para locais públicos. Dê um toque especial à sua decoração usando muitas velas, isso criará uma sensação de conforto.

Gostou do estilo escandinavo? Que tal aplicá-lo em sua casa? Aqui no Varejão das Tintas você encontra tudo o que precisa para começar a transformação do seu ambiente, deixando-o mais estiloso e atual. Clique aqui e veja o nosso catálogo de produtos.

Tinta em spray – Tão fácil quanto parece.

tinta-em-spray

Entrando na onda de “do yourselfie” muitas pessoas começaram a colocar a mão na massa e realizar pequenos (ou grandes) projetos, como, por exemplo, reformar um objeto antigo ou até pintar uma parede. Uma grande aliada desse movimento é a tinta em spray, que facilita bastante a aplicação de cor em projetos.

A tinta em spray não é um bicho de sete cabeças como muitos pensam, pelo contrário, ela é versátil, traz vários benefícios e o preço é acessível. Podemos utilizá-la nas mais diversas superfícies. Sua velocidade de aplicação é incomparável, além de oferecer precisão na correção de falhas ou imperfeições existentes.

Para facilitar o uso do spray, vamos ensinar um passo a passo:

Proteja bem os móveis e objetos a sua volta.

shutterstock_137609627

Ao começar a pintura, é importante proteger bem a sua área de trabalho. Mantenha panos velhos sempre ao seu alcance para limpar qualquer “acidente” que possa vir a acontecer. Uma dica é usar fitas adesivas para isolar áreas que não serão pintadas ou para criar uma borda refinada. Use luvas descartáveis ao aplicar a tinta.

 

Limpe bem a superfície na qual a tinta será aplicada.

shutterstock_520136779

Superfícies sujas atrapalham a fixação da tinta, por isso, depois de isolar sua área de trabalho, reserve um tempinho para fazer a limpeza de resíduos que podem reduzir a fixação do spray. Utilize um pano úmido com água. Se o objeto que receberá a tinta possuir uma cobertura brilhante ou algum produto finalizador, é importante lixá-lo para que a tinta tenha uma aderência melhor.

 

Realize o seu projeto em uma área externa e bem ventilada.

shutterstock_211794883

O clima pode interferir no resultado final, por isso é importante optar por realizar o seu projeto em uma área externa com boa ventilação. Prenda a sua proteção (jornais ou lona plástica) com algo pesado para evitar que ela saia do lugar.

Use Primer.

shutterstock_561179782

Sempre que possível, utilize um primer antes de começar a pintura com tinta spray, isso fará com que a tinta tenha melhor aderência na superfície, deixando-a mais lisa e ressaltando a cor desejada.

Teste a tinta antes de começar

shutterstock_12273739

É importante testar a tinta em um pedaço de madeira ou jornal antes de aplicá-la na superfície a ser pintada para garantir que não haja um bloqueio no bico, o que impediria a aplicação homogênea da primeira camada.

Aplique a tinta em Spray.

shutterstock_60956215

Para começar a pintar, agite bem a lata de tinta e aplique lentamente uma camada homogênea sobre toda a superfície a ser pintada. Provavelmente ficará um pouco manchado e mostrando ainda a cor original do objeto, mas não se preocupe, isso será corrigido com a aplicação das outras camadas de tinta. Mantenha a lata sempre a uma distância aproximada de 20 cm do objeto, movendo-a para frente e para trás. Sempre aplique camadas finas, evitando que a tinta escorra e fique pegajosa por mais tempo.

Espere.

shutterstock_465705089

A tinta spray precisa secar por no mínimo 24 h antes da aplicação da segunda mão. Não tente adiantar o processo, pois esse tempo fará com que a tinta tenha uma aderência melhor e dure mais tempo.

Aplicando a segunda mão.

shutterstock_322706675

Passadas 24 h após a aplicação da primeira mão de tinta, é hora de colocar mais cor no objeto, cobrindo totalmente a superfície e corrigindo pequenas falhas da primeira camada.

Finalizando o projeto.

shutterstock_197958920

Deixe o objeto secar totalmente após a segunda mão, e comece a remover qualquer fita adesiva utilizada. Remova a cobertura protetora do seu ambiente de trabalho e, caso sobre tinta, guarde-a em um local seco.

Pronto! Viu como é fácil? No Varejão das Tintas você encontra as melhores marcas de tintas spray. Procure a nossa loja mais perto de você e comece já o seu projeto.

Ideias de pintura para renovar sua casa

13-06 12

Uma boa maneira de deixar o ambiente com outra cara sem gastar muito tempo (e dinheiro) com reformas é mudar a cor das paredes. Se você está cansada daquela cor pálida e quer encher a casa de vida, ou se aquela cor chapada e berrante da parede já não te deixa mais tão feliz, então é hora de mudar. E por que não fazer isso com criatividade?

1- Parede listrada

Listras dão um toque de elegância e simplicidade ao ambiente. Na horizontal, elas ampliam o cômodo; na vertical, dão a sensação de um cômodo mais alto, ideal para construções com o pé-direito baixo.

 

2- Estampa Chevron

Esta estampa está fazendo o maior sucesso. Super fácil de fazer, são listras em ziguezague que deixam o ambiente moderno e super divertido.

 

3- Ponto cruz

Com um ar romântico, os bordados em ponto cruz embelezam as paredes e trazem feminilidade ao ambiente.

 

4- Parede de lousa

Uma opção moderna para quem gosta de soltar a criatividade.

 

5- Pintura em dégradé

O efeito dégradé, super presente no mundo da moda, chegou de mansinho na decoração de ambientes e já virou tendência. Tem até um vídeo explicando como fazer.

 

6- Poá

A estampa de poá (ou bolinhas) pode ser aplicada em qualquer cômodo da casa. Grandes, médias, pequenas… não importa, o que vale é soltar a imaginação. Aposte no contraste de cores.

 

7- Pintura geométrica

Estampas geométricas deixam qualquer ambiente moderno e com a sua cara. Mais uma vez, o que vale aqui é a criatividade.

 

8- Pintura com estêncil

O estêncil nada mais é que um molde com um desenho, utilizado para preencher toda a parede, como uma estampa, ou para fazer um único desenho. Você mesma pode fazer o molde em papelão, ou então comprá-lo pronto em casas de materiais artísticos e armarinhos.

 

9- Meia parede

Moderna, de baixo custo e super fácil de fazer. Se você quer algo diferente, aposte na meia parede.

(Via Blog Jardim do Coração)

Renovando os móveis

17-06 1

Você tem um móvel antigo e não sabe exatamente o que fazer com ele? Que tal deixá-lo de cara nova? É muito fácil.

– A primeira coisa a fazer é levar o móvel para um local aberto e forrar o chão com jornal ou papelão.

– O estado de conservação do móvel é importante. Se houver falhas ou fissuras na madeira, você deve cobri-las com uma massa especial.

– Lixe todo o móvel para retirar o verniz. Essa etapa é importante para garantir que a tinta vai aderir uniformemente à superfície. Depois de lixar, retire o pó do móvel com um pano úmido e deixe secar completamente.

– Para preparar o móvel, utilize um fundo preparador (preferencialmente da mesma marca da tinta que será utilizada). Apenas uma camada é suficiente. Deixe secar por pelo menos 4 horas.

– Após a secagem do fundo preparador, lixe novamente o móvel, agora com uma lixa mais fina, para retirar o excesso do produto, marcas de pincel ou possíveis imperfeições.

– Agora é hora da pintura final. Utilize um rolinho de espuma para áreas mais amplas e um pincel para as quinas e detalhes menores. Siga corretamente as instruções de aplicação especificadas pelo fabricante na embalagem e mão na massa. Duas demãos devem ser o suficiente, mas se precisar pode aplicar mais uma. Lembre-se de esperar o tempo mínimo de secagem entre uma demão e outra.

Pronto, seu móvel está novinho em folha!

(Via Blog Carolina Arquitetura)

TENDÊNCIA: Estilo Industrial

10-06 0

Inspirado na cidade de Nova Iorque, o estilo Industrial fez sucesso entre os anos 1950 e 1970. O estilo se caracteriza por ambientes com tubulação aparente e uso de materiais como tijolos aparentes, madeira, metal e muito concreto. Ele serve de referência para a criação de casas contemporâneas, que dispensam paredes em excesso e prezam por ambientes conjugados. É ideal para lofts e apartamentos tipo estúdio.

 

 

 

 

 

Especial: Quarto de criança

08-06 0

A notícia de um bebê a caminho sempre é recebida com alegria e satisfação, e uma das primeiras providências que o casal tem que tomar é montar o quarto da criança.

Sabemos que ambientes lúdicos e alegres estimulam a imaginação e o aprendizado, então preparamos algumas sugestões para os papais e mamães se inspirarem.

– Uma decoração harmonizada e aconchegante.

 

-Tons neutros são indicados para os casais que preferem esperar para saber se será menino ou menina.

 

– E quem disse que menina só gosta de rosa?

 

– O amarelo é uma cor alegre e inspira a imaginação. É uma ótima opção para quartos que são divididos por irmãos mais crescidinhos.

 

– Detalhes de listras na parede criam um ambiente descolado para seu jovem rapaz.

 

– Cores suaves e delicadas vão transformar o quarto da sua menina no de uma jovem mulher.

 

– Utilize as cores para separar os ambientes e deixar o quarto com a cara dos gêmeos.

Saiba como usar cores para criar novos setores na casa

03-06 2

O viver contemporâneo está repleto de desafios, por isso a nova palavra de ordem é adaptação. Tempo e espaço passam a ser os grandes tesouros desses novos tempos.

Trabalhar em casa já é uma realidade para um grande número de brasileiros, e tem sido, para muitos, uma solução para passar menos tempo no trânsito das grandes cidades e mais tempo com a família. A consequência indiscutível desta nova dinâmica é uma melhoria na qualidade de vida.

Por outro lado, os imóveis estão cada vez menores e os espaços precisam ser híbridos, adaptáveis às necessidades dos moradores. Então como unir essas duas tendências de forma simples e criativa?

Uma dica para quem precisa montar um home office, mas não tem um cômodo sobrando, é segmentar um pequeno espaço usando cor. O home office pode ser criado numa pequena parcela da parede da sala, por exemplo. Para isso, basta delimitar com uma cor de destaque a largura da mesa de trabalho, que pode ser simplesmente uma prateleira na parede.

03-06 1